Como foi o 1º Semestre da Comunicação Interna para você?

Primeiro semestre do ano já se despediu e este é o momento certo de revisar o planejamento do ano, identificar as oportunidades de melhoria e corrigir alguns aspectos que possam ter se desviado dos objetivos traçados inicialmente.

Este ano, muitas pesquisas do mercado da Comunicação Interna apresentaram as tendências e os desafios que os gestores de Comunicação Interna e as organizações deveriam esperar enfrentar em 2019. Abaixo, o blog da SimplificaCI apresenta os principais tópicos que foram debatidos neste primeiro semestre e que precisam continuar no topo das prioridades do trabalho da comunicação interna e endomarketing nas organizações.

Menos é mais | Canais de comunicação interna mais assertivos e segmentados

O uso de múltiplos canais de comunicação interna é uma excelente estratégia para abordar os colaboradores em momentos diferentes e com conteúdos mais direcionados. Porém, utilizar um mix de canais para distribuir a mesma informação, ou seja, replicar a mesma mensagem no mesmo formato em canais diferentes gera um alto volume de conteúdo repetitivo e pouco assertivo. Por isso, menos é mais!
Crie, na sua estratégia de conteúdo, uma segmentação por públicos e grupos diferenciados. Defina a linguagem mais adequada para o canal e o momento específicos. Defina as mensagens chave que precisam estar presentes em todos os canais e distribua as informações em horários diferentes.

Comunicação humanizada e que valoriza a diversidade

Repense a forma como você distribui os conteúdos em seus canais, sejam eles digitais ou não. Dê destaque às realizações e conquistas por meio das pessoas responsáveis por cada projeto divulgado. As empresas são apenas paredes sem as pessoas. Valorize-as e reflita sobre como a Comunicação Interna pode contribuir na construção de um ambiente de trabalho que valoriza e respeita a diversidade.

Liderança como agente comunicador

Cuide da formação do seu líder em um agente comunicador. A liderança é a principal fonte de informação de credibilidade dos empregados. O uso da tecnologia pode contribuir para o estreitamento dessa relação, crie e envie conteúdos relevantes para os seus líderes por meio do app mobile, cada pauta preparada para a liderança deve ser de inspiração e fonte de dados oficiais a serem abordados ao longo das reuniões periódicas com suas equipes e na sua rotina de trabalho.

Comunicação Integrada – fim das fronteiras

Esse conceito já vem sendo debatido há bastante tempo, mas em 2019 fica mais evidente que a comunicação nas organizações não tem mais fronteiras. O colaborador é fonte de informação e ao mesmo tempo recebe notícias sobre a empresa em que trabalha nos mais diversos espaços, seja via redes sociais, plataformas digitais, influenciadores e até mesmo numa mesa de bar durante um happy hour. Dedicar todo tempo e planejamento para a comunicação com clientes, comunidade e consumidores não é mais assertivo quando os principais influenciadores de sua marca estão esquecidos. Cada vez mais a comunicação integrada, transparente e assertiva deve ser prioridade nas empresas.

Ao mesmo tempo em que o empregado é público interno, ele também é um influenciador da marca, veja aqui nossa definição de público interno.

Experiência do colaborador

A experiência do colaborador é a soma de todas as interações que o empregado tem com sua empresa. Cada uma dessas experiências interfere diretamente na maneira como o colaborador reage ao ambiente de trabalho, às metas definidas e às constantes mudanças na estrutura organizacional.

As experiências que a empresa proporciona aos empregados tem grande influência na reputação e imagem das organizações. Você já pensou o que os seus ex-funcionários falam de sua empresa?  Deixamos aqui mais três perguntas que vão fazer você refletir mais sobre que tipo de experiências quer proporcionar aos empregados:

  • Como os colaboradores encontram sua empresa?
  • Por que eles escolhem trabalhar na sua organização?
  • O que eles sentem enquanto trabalham na sua empresa?

O ritual de passagem é uma das estratégias focadas nestas experiências, clique aqui e confira algumas dicas do blog SimplificaCI de 5 Rituais importantes para o dia-a-dia.

Colaborador como protogonista – Agente de Comunicação Interna

Quem é o Dono da Comunicação Interna?

É com essa provocação que é preciso iniciar uma reflexão sobre o papel do colaborador no planejamento e produção de conteúdos e campanhas de comunicação. Empoderá-lo de fato é transformá-lo também em um criador e curador de conteúdo para as estratégias a serem definidas pelos gestores da área de Endomarketing e Comunicação Interna.

Quando os colaboradores assumem seu papel de protagonistas, as ações apresentam melhores resultados e, diretamente, o engajamento e envolvimento tornam-se efetivos. Clique aqui para saber mais sobre o programa de Agente de Comunicação Interna.

Uso de Tecnologia na Comunicação Interna

Há diversas ferramentas disponíveis para simplificar o dia-a-dia das empresas. Aplicativos de gestão, recrutamento e seleção, reuniões à distância e, claro, a Comunicação Interna não ficou para trás. Em 2019 muitas empresas têm investido em novas tecnologias, automatizações e envios programados de conteúdo, sempre com o objetivo de organizar a rotina de trabalho e simplificar a distribuição de comunicados em múltiplos canais. Ao invés de utilizar diversas soluções para gerenciar, programar, enviar e monitorar os indicadores de Comunicação Interna, hoje já é possível acompanhar a gestão de múltiplos canais de comunicação em uma única plataforma. Com mais tempo disponível para construir campanhas e acompanhar o planejamento estratégico, o uso da tecnologia na comunicação com os empregados simplifica o trabalho dos gestores e melhora seus resultados. Clique aqui e saiba mais.

Indicadores de processos e resultados | Mensuração e monitoramento

“Quem não mede, não gerencia!”

A cobrança por apresentar mais e melhores resultados é uma realidade para as equipes de Comunicação Interna. Para identificar se as campanhas e ações planejadas no início do ano é fundamental identificar e monitorar seus indicadores de processos. Por meio deste monitoramento, sua equipe poderá identificar qual canal é mais efetivo para cada público, se as mensagens estão sendo entregues no momento certo e, mais importante, se são visualizadas pelos colaboradores.

Acompanhe com frequência seus indicadores antes de reestruturar ou descontinuar o uso de qualquer canal de comunicação interna.

Tudo por um propósito

Qual o propósito de sua empresa? Ele está alinhado aos propósitos de seus empregados?

Os colaboradores estão antenados e exigem transparência. Deixe claro o propósito de sua empresa e tente compreender quais são as demandas e anseios de seu time. Pessoas trabalham e se dedicam por propósitos e por outras pessoas, pense nisso!

E você? O que espera enfrentar neste segundo semestre? Lembre-se, em breve será o momento de planejar suas ações e seu orçamento para 2020. 😉

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *